Primeiro condomínio exclusivo para os idosos de MS é inaugurado em Nova Andradina

417

São mais de R$ 700 mil investidos em algo que não tem preço: a dignidade e o respeito a quem precisa e merece

O primeiro condomínio residencial fechado público exclusivo para idosos de Mato Grosso do Sul foi inaugurado na manhã desta quinta-feira (10) em Nova Andradina, tornando o município referência na criação e fortalecimento de políticas públicas para a terceira idade.

São mais de R$ 700 mil investidos em algo que não tem preço: a dignidade e o respeito a quem precisa e merece! O projeto idealizado pelo prefeito Gilberto Garcia conta com 20 unidades habitacionais, foi projetado para atender às necessidades e garantir qualidade de vida de pessoas com mais de 60 anos que nunca tiveram casa própria.

A entrega das chaves do Condomínio do Idoso “Margarida de Souza Lopes” foi realizada pelo prefeito Gilberto Garcia, que ao lado da primeira dama e vereadora Joana Darc Bono Garcia, familiares da homenageada (filhos, netos e bisnetos), vereadores e demais autoridades, participaram da solenidade realizada na nova morada para os mais de 30 idosos beneficiados. Responsáveis pelo projeto Educa Verde, que realizou o plantio de árvores no entorno do Condomínio, os professores e alunos da Escola Fátima Gaiotto também marcaram presença.

Representando a família de Margarida de Souza Lopes, que deu nome ao Condomínio do Idoso, discursou Edson Lopes, filho da homenageada.

Com um sorriso no rosto, Dona Macária de Souza disse que nunca pensou que conquistaria sua casa própria aos 83 anos. Ele recebeu as chaves da moradia e fez questão de agradecer o prefeito pela conquista.

“É um sonho realizado, estou muito contente mesmo. Eu pagava R$ 370 de aluguel, e meu dinheirinho da aposentadoria não sobrava. Mas agora a felicidade é grande, porque finalmente tenho minha casa própria. Agradeço a Deus, ao prefeito Gilberto que olhou por nós. Que eu tenha saúde para poder viver muito tempo na minha casinha”, comemorou.

Emocionado e muito honrado de resgatar mais um importante projeto idealizado no seu primeiro mandato, o prefeito demonstrou sua satisfação em ver tudo pronto e entregue nas mãos de pessoas humildes, de baixa renda, que deixaram o aluguel em kitinetes, edículas, e até quartos improvisados como moradias, para conviver num espaço novo, aconchegante, que vai garantir bem-estar e qualidade de vida a quem muito merece ter.

“Quis Deus que eu voltasse a ser prefeito novamente para concluir esta obra. Entregamos um projeto que iniciamos em 2011 e que ficou abandonado durante quatro anos pelo governo que me antecedeu. Voltamos para a Prefeitura e terminamos mais uma grande obra. Não tem nenhuma ação que traga tanta satisfação quanto o momento da entrega de uma habitação, porque cada casa entregue representa um sonho que virou realidade, representa a melhoria efetiva e real da vida dos idosos”, concluiu.

Todas as autoridades que discursaram na cerimônia destacaram o cuidado e o carinho da gestão do prefeito Gilberto Garcia com as pessoas da terceira idade.

Para o deputado federal Luiz Ovando, Nova Andradina desenvolve uma experiência inédita que será disseminada para outras cidades do estado. “Isso é pioneirismo, é visão, é importante que se valorize a iniciativa do prefeito Gilberto Garcia, porque dá a população a condição de se estabelecer. Parabenizo o prefeito e sua equipe pela visão que tiveram ao implantar este condomínio que servirá de modelo para muitas cidades porque a população está vivendo mais e precisa ter dignidade para viver melhor e com saúde. E o tempo vai dizer a importância desse Condomínio”, frisou o parlamentar, que é o deputado mais idoso da bancada federal de MS.

Além da entrega deste empreendimento, o governo municipal desenvolve outros projetos habitacionais que perfazem um total de 802 moradias contratadas. São projetos que atendem todas pessoas de todas as faixas salariais, em especial, famílias que ganham até 5 salários mínimos. A meta da gestão do prefeito Gilberto e do vice Nenão é construir mil casas até o final de 2020.

Regras

O Condomínio do Idoso aceita apenas moradores idosos e eles não podem modificar, emprestar, alugar ou ceder os imóveis. Os vovôs e vovós podem morar sozinhos ou com seus cônjuges e pagarão apenas as despesas referentes à agua e energia elétrica.

Eles poderão ficar o tempo que quiserem. A concessão só será reincidida caso o idoso manifeste interesse, quando há perda de autonomia, ou falecimento. Aí o imóvel será cedido para outro idoso.

Assessoria

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.