O Brasil atingiu a marca de 1.313.667 milhão de casos de coronavírus neste sábado (26/6). O total de mortes chegou a 57.070.

Nas últimas 24 horas, foram registrados 38.693 novos casos. A taxa de letalidade (proporção de mortes em relação ao total de casos) do novo coronavírus no país é de 4,3%.

Os Estados com mais mortes acumuladas no Brasil são: São Paulo (14.263), Rio de Janeiro (9.789), Ceará (5.981), Pará (4.834) e Pernambuco (4.708).

Os dados são do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) — a entidade criou uma plataforma para registrar os dados sobre o novo coronavírus no país após o Ministério da Saúde ter, no início do mês, decidido divulgar os números de forma menos detalhada.

Após a controvérsia causada pela mudança e uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o assunto, a pasta recuou e voltou a divulgar os números completos.

Mudanças e atraso na divulgação de dados

O painel covid-19, do governo, que costumava trazer diversos dados e gráficos sobre a doença, ficou fora do ar por algumas horas entre os últimos dias 5 e 6 de junho. Quando voltou ao ar, trazia apenas os dados das últimas 24 horas e não fazia referência ao total de mortes.

Diversos dados detalhados deixaram de ser exibidos.

Três dias antes, o horário de divulgação do material havia passado do início da noite para as 22h, inicialmente por “problemas técnicos”, de acordo com a assessoria de imprensa do Ministério da Saúde, e, dois dias depois, porque os dados informados pelas secretarias estaduais de saúde precisariam “de checagem junto aos gestores locais”.

Perguntado na ocasião sobre alterações no horário de divulgação, Bolsonaro brincou com o horário do Jornal Nacional, da TV Globo, normalmente exibido por volta de 20h30.

“Acabou matéria no Jornal Nacional?”, disse, rindo.

“Mas é para pegar o dado mais consolidado, e tem que divulgar os mortos no dia. Por exemplo, ontem, praticamente dois terços dos mortos eram de dias anteriores, os mais variados possíveis. Tem que divulgar o do dia. O resto consolida para trás. Se quiser fazer um programa do Fantástico todinho sobre mortos nas últimas semanas, tudo bem.”

dados detalhados

Role a barra lateral para ver mais dados na tabela

*Mortes a cada 100 mil pessoas

MortesMortalidade*Total de casosNovos casos010100Mil5 mil**
Estados Unidos121.83437,22.374.95524 DE JAN24 DE JUN
Brasil53.83025,71.188.631
Reino Unido43.23064,4307.980
Itália34.64457,1239.410
França29.73145,7161.348
Espanha28.32760,7247.086
México24.32419,3196.847
Índia14.8941,1473.105
Irã10.13012,4215.096
Bélgica9.72684,761.007
Alemanha8.93610,8193.291
Rússia8.5945,9613.148
Peru8.58626,8264.689
Canadá8.54423,0104.087
Holanda6.10035,849.921
Suécia5.23052,463.890
Turquia5.0256,1191.657
Chile4.73125,3254.416
China4.6400,384.673
Equador4.27425,051.643
Paquistão3.9031,8192.970
Indonésia2.6201,050.187
Colômbia2.5245,173.760
Egito2.4502,559.561
África do Sul2.2053,8111.796
Suíça1.95823,031.428
Irlanda1.72635,825.396
Bangladesh1.6211,0126.606
Romênia1.5658,025.286
Portugal1.54915,140.415
Arábia Saudita1.4284,2170.639
Polônia1.4123,733.119
Iraque1.3303,536.702
Filipinas1.2121,133.069
Argentina1.1162,549.851
Ucrânia1.0782,440.854
Japão9690,818.037
Bolívia8767,727.487
Argélia8692,112.248
Áustria6987,917.477
República Dominicana6916,528.631
Afeganistão6751,830.175
Dinamarca60310,512.636
Guatemala6013,514.819
Hungria5775,94.123
Sudão5481,38.889
Panamá54713,128.030
Nigéria5420,322.020
Moldávia50212,415.078
Honduras4174,314.571
Armênia39713,422.488
Bielorússia3673,960.382
República Tcheca3443,210.780
Kuwait3398,242.788
Finlândia3275,97.172
Camarões3131,212.592
Emirados Árabes Unidos3083,246.563
Israel3083,722.139
Coreia do Sul2820,612.563
Iêmen2741,01.015
Macedônia do Norte26512,75.595
Sérvia2643,813.372
Noruega2494,78.788
Marrocos2160,611.279
Bulgária2093,04.242
Grécia1901,83.310
Bósnia-Herzegóvina1755,33.796
Azerbaijão1741,714.305
Omã1443,034.902
República Democrática do Congo1420,26.411
Cazaquistão1360,719.285
Quênia1300,35.206
El Salvador1262,05.336
Malásia1210,48.600
Mauritânia1162,63.519
Mali1120,62.005
Luxemburgo11018,24.140
Eslovênia1095,21.547
Croácia1072,62.483
Catar1063,891.838
Austrália1040,47.558
Gana950,315.013
Senegal940,66.233
Haiti920,85.429
Somália900,62.835
Cuba850,72.319
Etiópia780,15.034
Lituânia782,81.806
Nicarágua741,12.170
Chade740,5860
Bahrein694,423.570
Estônia695,21.984
Níger670,31.056
Costa do Marfim580,28.164
Tailândia580,13.158
Serra Leoa550,71.354
Burkina Fasso530,3934
Tadjiquistão520,65.630
Djibuti525,44.630
Andorra5267,5855
Tunísia500,41.160
Albânia481,72.192
Ilhas do Canal da Mancha4727,6571
Quirguistão430,73.954
San Marino42124,3698
Gabão391,84.956
Venezuela380,14.366
República Centro-Africana380,83.099
Kosovo372,02.169
Congo370,71.087
Sudão do Sul360,31.942
Libéria340,7662
Líbano330,51.644
Mayotte3212,32.467
Guiné Equatorial322,41.664
Letônia301,61.111
Guiné290,25.174
Eslováquia280,51.630
Cingapura260,542.736
Nepal260,111.162
Uruguai260,8902
Ilha de Man2428,5336
Nova Zelândia220,51.519
Tanzânia210,0509
Uzbequistão200,17.087
Guiné-Bissau191,01.556
Chipre191,6991
Zâmbia180,11.497
Líbia180,3670
Madagascar160,11.829
Ilha de São Martinho (parte francesa)1540,377
Benin140,11.017
Geórgia140,3917
Togo140,2583
Martinica143,7236
Guadalupe143,5174
Paraguai130,21.528
Cruzeiro Diamond Princess13712
São Tomé e Príncipe136,2710
Costa Rica120,22.515
Guiana121,5209
Sri Lanka110,12.007
Malauí110,1941
Bahamas112,9104
Islândia103,01.824
Jamaica100,3678
Suriname101,7357
Maurício100,8341
Angola100,0197
Guiana Francesa93,22.827
Jordânia90,11.071
Malta92,0668
Montenegro91,4389
Bermuda914,3146
Maldivas81,62.261
Cabo Verde81,5999
Trinidade e Tobago80,6123
Eswatini70,6690
Taiwan70,0446
Comores70,8272
Síria70,0242
Barbados72,497
Zimbábue60,0530
Mianmar60,0293
Moçambique50,0788
Mônaco410,3102
Territórios Palestinos30,11.362
Brunei30,7141
Aruba32,8101
Antigua e Barbuda33,165
Ruanda20,0830
Gâmbia20,142
Belize20,523
Cruzeiro MS Zaandam29
Ilha Reunião10,1508
Ilhas Cayman11,6196
Burundi10,0144
Botsuana10,092
Liechtenstein12,682
Curaçao10,623
Ilhas Turks e Caicos12,715
Montserrat120,011
Saara Ocidental10,210
Ilhas Virgens Britânicas13,48
Uganda00,0805
Vietnã00,0352
Mongólia00,0216
Ilhas Faroe00,0187
Gibraltar00,0176
Eritreia00,0144
Camboja00,0130
Namíbia00,090
Butão00,070
Polinésia Francesa00,060
São Vicente e Granadinas00,029
Timor Leste00,024
Granada00,023
Nova Caledônia00,021
Laos00,019
Santa Lúcia00,019
Fiji00,018
Dominica00,018
Lesoto00,017
São Cristóvão e Nevis00,015
Groenlândia00,013
Ilhas Malvinas ou Falkland00,013
Vaticano00,012
Seicheles00,011
Papua Nova Guiné00,010
São Bartolomeu00,06
Anguilla00,03

A apresentação usa dados periódicos da Universidade Johns Hopkins e pode não refletir as informações mais atualizadas de cada país.

** Os dados históricos de novos casos são uma média de três dias seguidos. Devido à revisão do número de casos, a média não pode ser calculada nesta data.

Fonte: Universidade Johns Hopkins (Baltimore, EUA), autoridades locais

Dados atualizados pela última vez em: 25 de junho de 2020 14:35 GMT

Governo quer recontar dados, diz ex-futuro secretário

O empresário Carlos Wizard, que assumiria o posto de secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, mas desistiu da empreitada em 7/6, disse ao jornal O Globo em 5/6 que o ministério deve recontar o número de mortes causadas pelo novo coronavírus.

Ele disse, sem apresentar provas, que gestores locais estão inflando os dados para obter mais recursos.

“Tinha muita gente morrendo por outras causas e os gestores públicos, puramente por interesse de ter um orçamento maior nos seus municípios, nos seus estados, colocavam todo mundo como covid. Estamos revendo esses óbitos”, disse Wizard.

O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) negou as acusações.

“Ao afirmar que Secretários de Saúde falseiam dados sobre óbitos decorrentes da Covid-19 em busca de mais ‘orçamento’, o secretário, além de revelar sua profunda ignorância sobre o tema, insulta a memória de todas aquelas vítimas indefesas desta terrível pandemia e suas famílias”, diz nota publicada em seu site.

Piora dramática no último mês

No intervalo de apenas um mês, o Brasil multiplicou por cinco o seu total de mortes por covid-19, em mais uma marca dramática atingida pela pandemia no país. Na terça-feira (2), o país passou a marca de 30 mil óbitos. Em 2 de maio, o relatório diário da Organização da Saúde (OMS) mostrava que o Brasil tinha 5,9 mil mortes pela doença.

Outra marca trágica atingida pelo país foi ter passado a Itália e ter se tornado o segundo país no mundo com mais mortos pela covid-19, atrás apenas dos Estados Unidos. Em número de casos, o Brasil também está em segundo lugar, atrás dos EUA, como mostra um painel global da universidade Johns Hopkins.

No momento em que muitos Estados e municípios brasileiros já discutem e implementam medidas de flexibilização da quarentena, os dados globais da universidade mostram que a curva de contágio do Brasil continua ascendente, diferentemente de outros países europeus e asiáticos em processo de flexibilização, cujos dados parecem indicar, no momento, uma estabilização no número de casos.

Pandemia

O primeiro registro do coronavírus no Brasil foi em 26 de fevereiro. Um empresário de 61 anos, que mora em São Paulo (SP), foi infectado após retornar de uma viagem, entre 9 e 21 de fevereiro, à região italiana da Lombardia, a mais afetada do país europeu que tem mais casos fora da China.

O novo coronavírus, que teve seus primeiros casos confirmados vindos da China no final de 2019, é tratado como pandemia pela OMS desde 11 de março.

As taxas de mortalidade pelo coronavírus têm variado consideravelmente de país para país, também segundo a Johns Hopkins. Enquanto locais como Bélgica, Reino Unido e Itália têm entre 14% e 16% de mortos entre os infectados, essa taxa tem sido de cerca de 6% em países como EUA e Brasil.

Estudos apontam que a grande maioria dos casos do novo coronavírus apresenta sintomas leves e pode ser tratado nos postos de saúde ou em casa. Mas, entre aqueles que são hospitalizados, o tempo de internação gira em torno de três semanas, o que gera um impacto sobre os sistemas de saúde, de acordo com a pasta, já que os leitos de unidades de tratamento intensivo (UTI) ficam ocupados por um longo tempo, gerando uma crise de escassez de leitos em diversos Estados e municípios brasileiros.

 Casos mapeados

Nas últimas 24 horas, foram registrados 38.693 novos casos. A taxa de letalidade (proporção de mortes em relação ao total de casos) do novo coronavírus no país é de 4,3%.

Os Estados com mais mortes acumuladas no Brasil são: São Paulo (14.263), Rio de Janeiro (9.789), Ceará (5.981), Pará (4.834) e Pernambuco (4.708).

Os dados são do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) — a entidade criou uma plataforma para registrar os dados sobre o novo coronavírus no país após o Ministério da Saúde ter, no início do mês, decidido divulgar os números de forma menos detalhada.

Após a controvérsia causada pela mudança e uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o assunto, a pasta recuou e voltou a divulgar os números completos.

Mudanças e atraso na divulgação de dados

painel covid-19, do governo, que costumava trazer diversos dados e gráficos sobre a doença, ficou fora do ar por algumas horas entre os últimos dias 5 e 6 de junho. Quando voltou ao ar, trazia apenas os dados das últimas 24 horas e não fazia referência ao total de mortes.

Diversos dados detalhados deixaram de ser exibidos.

Três dias antes, o horário de divulgação do material havia passado do início da noite para as 22h, inicialmente por “problemas técnicos”, de acordo com a assessoria de imprensa do Ministério da Saúde, e, dois dias depois, porque os dados informados pelas secretarias estaduais de saúde precisariam “de checagem junto aos gestores locais”.

Perguntado na ocasião sobre alterações no horário de divulgação, Bolsonaro brincou com o horário do Jornal Nacional, da TV Globo, normalmente exibido por volta de 20h30.

“Acabou matéria no Jornal Nacional?”, disse, rindo.

“Mas é para pegar o dado mais consolidado, e tem que divulgar os mortos no dia. Por exemplo, ontem, praticamente dois terços dos mortos eram de dias anteriores, os mais variados possíveis. Tem que divulgar o do dia. O resto consolida para trás. Se quiser fazer um programa do Fantástico todinho sobre mortos nas últimas semanas, tudo bem.”

dados detalhados

Role a barra lateral para ver mais dados na tabela

*Mortes a cada 100 mil pessoas        

MortesMortalidade*Total de casosNovos casos010100Mil5 mil**
Estados Unidos121.83437,22.374.95524 DE JAN24 DE JUN
Brasil53.83025,71.188.631
Reino Unido43.23064,4307.980
Itália34.64457,1239.410
França29.73145,7161.348
Espanha28.32760,7247.086
México24.32419,3196.847
Índia14.8941,1473.105
Irã10.13012,4215.096
Bélgica9.72684,761.007
Alemanha8.93610,8193.291
Rússia8.5945,9613.148
Peru8.58626,8264.689
Canadá8.54423,0104.087
Holanda6.10035,849.921
Suécia5.23052,463.890
Turquia5.0256,1191.657
Chile4.73125,3254.416
China4.6400,384.673
Equador4.27425,051.643
Paquistão3.9031,8192.970
Indonésia2.6201,050.187
Colômbia2.5245,173.760
Egito2.4502,559.561
África do Sul2.2053,8111.796
Suíça1.95823,031.428
Irlanda1.72635,825.396
Bangladesh1.6211,0126.606
Romênia1.5658,025.286
Portugal1.54915,140.415
Arábia Saudita1.4284,2170.639
Polônia1.4123,733.119
Iraque1.3303,536.702
Filipinas1.2121,133.069
Argentina1.1162,549.851
Ucrânia1.0782,440.854
Japão9690,818.037
Bolívia8767,727.487
Argélia8692,112.248
Áustria6987,917.477
República Dominicana6916,528.631
Afeganistão6751,830.175
Dinamarca60310,512.636
Guatemala6013,514.819
Hungria5775,94.123
Sudão5481,38.889
Panamá54713,128.030
Nigéria5420,322.020
Moldávia50212,415.078
Honduras4174,314.571
Armênia39713,422.488
Bielorússia3673,960.382
República Tcheca3443,210.780
Kuwait3398,242.788
Finlândia3275,97.172
Camarões3131,212.592
Emirados Árabes Unidos3083,246.563
Israel3083,722.139
Coreia do Sul2820,612.563
Iêmen2741,01.015
Macedônia do Norte26512,75.595
Sérvia2643,813.372
Noruega2494,78.788
Marrocos2160,611.279
Bulgária2093,04.242
Grécia1901,83.310
Bósnia-Herzegóvina1755,33.796
Azerbaijão1741,714.305
Omã1443,034.902
República Democrática do Congo1420,26.411
Cazaquistão1360,719.285
Quênia1300,35.206
El Salvador1262,05.336
Malásia1210,48.600
Mauritânia1162,63.519
Mali1120,62.005
Luxemburgo11018,24.140
Eslovênia1095,21.547
Croácia1072,62.483
Catar1063,891.838
Austrália1040,47.558
Gana950,315.013
Senegal940,66.233
Haiti920,85.429
Somália900,62.835
Cuba850,72.319
Etiópia780,15.034
Lituânia782,81.806
Nicarágua741,12.170
Chade740,5860
Bahrein694,423.570
Estônia695,21.984
Níger670,31.056
Costa do Marfim580,28.164
Tailândia580,13.158
Serra Leoa550,71.354
Burkina Fasso530,3934
Tadjiquistão520,65.630
Djibuti525,44.630
Andorra5267,5855
Tunísia500,41.160
Albânia481,72.192
Ilhas do Canal da Mancha4727,6571
Quirguistão430,73.954
San Marino42124,3698
Gabão391,84.956
Venezuela380,14.366
República Centro-Africana380,83.099
Kosovo372,02.169
Congo370,71.087
Sudão do Sul360,31.942
Libéria340,7662
Líbano330,51.644
Mayotte3212,32.467
Guiné Equatorial322,41.664
Letônia301,61.111
Guiné290,25.174
Eslováquia280,51.630
Cingapura260,542.736
Nepal260,111.162
Uruguai260,8902
Ilha de Man2428,5336
Nova Zelândia220,51.519
Tanzânia210,0509
Uzbequistão200,17.087
Guiné-Bissau191,01.556
Chipre191,6991
Zâmbia180,11.497
Líbia180,3670
Madagascar160,11.829
Ilha de São Martinho (parte francesa)1540,377
Benin140,11.017
Geórgia140,3917
Togo140,2583
Martinica143,7236
Guadalupe143,5174
Paraguai130,21.528
Cruzeiro Diamond Princess13712
São Tomé e Príncipe136,2710
Costa Rica120,22.515
Guiana121,5209
Sri Lanka110,12.007
Malauí110,1941
Bahamas112,9104
Islândia103,01.824
Jamaica100,3678
Suriname101,7357
Maurício100,8341
Angola100,0197
Guiana Francesa93,22.827
Jordânia90,11.071
Malta92,0668
Montenegro91,4389
Bermuda914,3146
Maldivas81,62.261
Cabo Verde81,5999
Trinidade e Tobago80,6123
Eswatini70,6690
Taiwan70,0446
Comores70,8272
Síria70,0242
Barbados72,497
Zimbábue60,0530
Mianmar60,0293
Moçambique50,0788
Mônaco410,3102
Territórios Palestinos30,11.362
Brunei30,7141
Aruba32,8101
Antigua e Barbuda33,165
Ruanda20,0830
Gâmbia20,142
Belize20,523
Cruzeiro MS Zaandam29
Ilha Reunião10,1508
Ilhas Cayman11,6196
Burundi10,0144
Botsuana10,092
Liechtenstein12,682
Curaçao10,623
Ilhas Turks e Caicos12,715
Montserrat120,011
Saara Ocidental10,210
Ilhas Virgens Britânicas13,48
Uganda00,0805
Vietnã00,0352
Mongólia00,0216
Ilhas Faroe00,0187
Gibraltar00,0176
Eritreia00,0144
Camboja00,0130
Namíbia00,090
Butão00,070
Polinésia Francesa00,060
São Vicente e Granadinas00,029
Timor Leste00,024
Granada00,023
Nova Caledônia00,021
Laos00,019
Santa Lúcia00,019
Fiji00,018
Dominica00,018
Lesoto00,017
São Cristóvão e Nevis00,015
Groenlândia00,013
Ilhas Malvinas ou Falkland00,013
Vaticano00,012
Seicheles00,011
Papua Nova Guiné00,010
São Bartolomeu00,06
Anguilla00,03

A apresentação usa dados periódicos da Universidade Johns Hopkins e pode não refletir as informações mais atualizadas de cada país.

** Os dados históricos de novos casos são uma média de três dias seguidos. Devido à revisão do número de casos, a média não pode ser calculada nesta data.

Governo quer recontar dados, diz ex-futuro secretário

O empresário Carlos Wizard, que assumiria o posto de secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, mas desistiu da empreitada em 7/6, disse ao jornal O Globo em 5/6 que o ministério deve recontar o número de mortes causadas pelo novo coronavírus.

Ele disse, sem apresentar provas, que gestores locais estão inflando os dados para obter mais recursos.

“Tinha muita gente morrendo por outras causas e os gestores públicos, puramente por interesse de ter um orçamento maior nos seus municípios, nos seus estados, colocavam todo mundo como covid. Estamos revendo esses óbitos”, disse Wizard.

O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) negou as acusações.

“Ao afirmar que Secretários de Saúde falseiam dados sobre óbitos decorrentes da Covid-19 em busca de mais ‘orçamento’, o secretário, além de revelar sua profunda ignorância sobre o tema, insulta a memória de todas aquelas vítimas indefesas desta terrível pandemia e suas famílias”, diz nota publicada em seu site.

Piora dramática no último mês

No intervalo de apenas um mês, o Brasil multiplicou por cinco o seu total de mortes por covid-19, em mais uma marca dramática atingida pela pandemia no país. Na terça-feira (2), o país passou a marca de 30 mil óbitos. Em 2 de maio, o relatório diário da Organização da Saúde (OMS) mostrava que o Brasil tinha 5,9 mil mortes pela doença.

Outra marca trágica atingida pelo país foi ter passado a Itália e ter se tornado o segundo país no mundo com mais mortos pela covid-19, atrás apenas dos Estados Unidos. Em número de casos, o Brasil também está em segundo lugar, atrás dos EUA, como mostra um painel global da universidade Johns Hopkins.

No momento em que muitos Estados e municípios brasileiros já discutem e implementam medidas de flexibilização da quarentena, os dados globais da universidade mostram que a curva de contágio do Brasil continua ascendente, diferentemente de outros países europeus e asiáticos em processo de flexibilização, cujos dados parecem indicar, no momento, uma estabilização no número de casos.

Pandemia

O primeiro registro do coronavírus no Brasil foi em 26 de fevereiro. Um empresário de 61 anos, que mora em São Paulo (SP), foi infectado após retornar de uma viagem, entre 9 e 21 de fevereiro, à região italiana da Lombardia, a mais afetada do país europeu que tem mais casos fora da China.

O novo coronavírus, que teve seus primeiros casos confirmados vindos da China no final de 2019, é tratado como pandemia pela OMS desde 11 de março.

BBC

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.