A trilha do Morro Escalvado em Matinhos: uma aventura bem pertinho da cidade

507

O Morro Escalvado está inserido no Parque Nacional de Saint-Hilaire/Lange e é uma opção para os aventureiros que visitam Matinhos

Ao acompanhar de pertinho os Jogos de Aventura e Natureza, consegui conhecer um pouco mais a cidade de Matinhos, que fica no litoral paranaense. A última vez que estive em Matinhos foi há mais de 15 anos; nem imaginava que um dia o Blog Turistando Pelo Paraná existiria. Nesta viagem, fiquei surpresa em ver como a cidade está organizada e as praias superlimpas.

Como em Matinhos há diversas praias apropriadas para banho, não poderia perder a chance de pisar em uma e sentir a boa energia que vem do mar. Escolhi a Praia Mansa, que fica no bairro de Caiobá, para curtir ao menos um pouquinho o momento praiano. Naquele dia, o sol já havia brilhado, proporcionando um clima convidativo para um passeio na praia.

Praia Mansa em Caiobá. — Foto: Marcio Kubo

Praia Mansa em Caiobá. — Foto: Marcio Kubo

Mas um nevoeiro se aproximou da cidade e mudou completamente o visual e o clima. Mesmo assim, não fiquei desanimada e insisti na programação. O céu estava branco, mas a praia estava linda mesmo assim. Aproveitei para me sentar à beira-mar, ouvir o som das ondas e relaxar enquanto meu filho brincava. Percebi o quanto é gostoso curtir a praia, mesmo em um dia de inverno.

Curtindo a beira-mar em Caiobá enquanto meu filho brincava. — Foto: Marcio Kubo

Curtindo a beira-mar em Caiobá enquanto meu filho brincava. — Foto: Marcio Kubo

O bairro de Caiobá oferece uma ótima estrutura para os turistas, com diversos restaurantes e hospedagens. Neste dia, almoçamos por ali mesmo, aproveitando para comer um peixe grelhado com deliciosos acompanhamentos típicos do litoral, como o pirão, molho de camarão e o feijão preto. Quando estou no litoral, só penso em comer frutos do mar. Tenho certeza de que não sou a única.

No dia seguinte, resolvi fazer umas das coisas que mais gosto quando estamos em viagem: uma trilha. Em Matinhos, além das praias, é possível conhecer outros atrativos naturais, como o Morro do Boi e o Morro Escalvado, que também é conhecido como Morro do Teleférico. Claro que quis conhecer ao menos um deles.

Trilha natural com muita aventura no Morro Escalvado. — Foto: Marcio Kubo

Trilha natural com muita aventura no Morro Escalvado. — Foto: Marcio Kubo

Escolhi o Morro Escalvado, pois tinha ouvido falar que a visão de lá de cima é muito bonita. Tive que confirmar com meus próprios olhos. Antigamente um teleférico levava os turistas até o topo do morro, porém está desativado desde 1990, então a única maneira de subir é caminhando. O Morro Escalvado está inserido no Parque Nacional de Saint-Hilaire/Lange e tem 224 metros de altitude.

Há duas possibilidades de trilhas para chegar até o topo. As duas trilhas partem de pontos diferentes, se cruzam em determinado momento e levam exatamente ao mesmo ponto do Morro.

O início da trilha que percorri passava pelos fundos de algumas casas da cidade. — Foto: Marcio Kubo

O início da trilha que percorri passava pelos fundos de algumas casas da cidade. — Foto: Marcio Kubo

Eu fui pela trilha que é acessada justamente por onde era a saída do antigo teleférico. Para iniciar a caminhada precisei passar pelos fundos das casas que ficam bem próximas ao morro. Depois de caminhar um pouquinho, logo já estava dentro da mata.

Dificuldade em uma das trilhas do Morro Escalvado  — Foto: Marcio Kubo

Dificuldade em uma das trilhas do Morro Escalvado — Foto: Marcio Kubo

A trilha segue a antiga linha dos cabos do teleférico, é natural e íngreme o tempo todo. Fiquei bem cansada ao caminhar por ela e tive que fazer algumas paradas para recuperar a energia. Levei 40 minutos para percorrer o trajeto. No início da trilha o solo estava com muitas erosões, por isso foi preciso bastante cuidado para não cair ou escorregar.

Uma das visões no Morro Escalvado. — Foto: Marcio Kubo

Uma das visões no Morro Escalvado. — Foto: Marcio Kubo

O esforço foi recompensado pela linda paisagem que contemplei ao terminar a caminhada. Uma mistura de praias, serras e cidade. Fiquei por ali com minha família tempo suficiente para descansar e curtir bastante a visão.

Ao fundo a Praia Brava e Praia Mansa de Caiobá. — Foto: Marcio Kubo

Ao fundo a Praia Brava e Praia Mansa de Caiobá. — Foto: Marcio Kubo

De acordo com o site do Parque Nacional de Saint-Hilaire/Lange, a outra trilha está em melhores condições. De todo modo, em qualquer uma das duas é preciso ter cuidado e subir com calma. Quem é aventureiro e gosta de uma bela paisagem provavelmente vai curtir o passeio, mesmo tendo que encarar as dificuldades da trilha (para os aventureiros, essa normalmente é a graça de fazer trilhas).

O retorno é muito menos cansativo, mas exige cuidado e atenção da mesma maneira. Levei aproximadamente 25 minutos para descer. Terminei o passeio realizada e feliz por ter vivido mais essa experiência pelo Paraná.

Se você pretende fazer o passeio no Morro Escalvado, sugiro que leve em consideração as dicas abaixo:

  • Vá com calçados fechados e calça comprida.
  • Leve água e um lanche básico.
  • Use repelente e protetor solar.
  • Se o solo estiver molhado, é melhor não fazer essa trilha, pois o chão é extremamente escorregadio.

Para saber sobre outros atrativos em Matinhos, acesse o site Viaje Paraná. Site do Parque Nacional de Saint-Hilaire/Lange.

Sobre a viajante:
Meu nome é Keila Kubo, amo viajar pelo Paraná com minha família e compartilhar nossas deliciosas experiências no Blog Turistando Pelo Paraná. Estou acompanhando os Jogos de Aventura e Natureza e vou contar para você sobre minhas aventuras em cada região por onde os jogos estão acontecendo.

AEN


COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.