Adolescente que planejava ataque a escola chama jovens de Suzano de amadores

103

Segundo o delegado, já se sabe que o jovem frequentava a Deep Web, local virtual em que se trocam informações sobre crimes

A Polícia Civil localizou mais mensagens enviadas numa rede social pelo adolescente, de 16 anos, suspeito de planejar um ataque a uma escola na Zona Norte do Rio. Numa delas, o jovem chama de amador um dos participantes da investida contra alunos e professores de uma escola de Suzano, em São Paulo, quando 10 pessoas foram mortas.

Nesta terça-feira, o delegado Roberto Ramos, da 18ª DP (Praça da Bandeira), que investiga o caso, disse que a Justiça decretou a quebra de dados do computador do rapaz, durante operação que resultou na apreensão do adolescente.

Segundo o delegado, já se sabe que o jovem frequentava a Deep Web, local virtual em que se trocam informações sobre crimes, ódio e violência. Ao prestar depoimento, o adolescente também disse que frequentava ambientes virtuais que faziam menção ao massacre de Columbine, nos Estados Unidos, em 1999, quando atiradores mataram 13 pessoas.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.