Dois minutos de más notícias sobre Covid pioram o emocional das pessoas

27

Apenas dois minutos de notícias ruins sobre a Covid-19 são suficientes para piorar o estado emocional das pessoas e três minutos de relaxamento são capazes de reverter o processo e melhorar o humor. É o que diz um estudo do Instituto do Cérebro do Hospital Israelita Albert Einstein realizado no segundo semestre de 2020 e publicado recentemente na revista Internet Interventions, um dos principais periódicos científicos sobre aplicação da tecnologia da informação em saúde mental e comportamental.

O objetivo era avaliar como notícias positivas ou negativas poderiam interferir no estado emocional. Para chegarem à conclusão, os pesquisadores Elisa Kozasa e Paulo Rodrigo Bazan avaliaram os resultados de um experimento online com 245 profissionais de saúde do Einstein, atuantes em hospitais públicos e privados, e 717 pessoas do público em geral, maiores de 18 anos, recrutadas através das redes sociais.

Cada participante assinou um termo de consentimento e respondeu um questionário sobre seu estado emocional. Depois, foi sorteado para receber um áudio de notícias positivas ou negativas sobre a Covid-19 com duração de dois minutos e posteriormente teve o estado emocional reavaliado. Os pesquisadores compararam as respostas dos dois questionários.

O estado emocional foi medido em uma escala desenvolvida para avaliar o quão ansioso, estressado, esperançoso, consciente sobre as emoções, irritado, desanimado, alegre, otimista e preocupado o participante estava se sentindo no momento da avaliação.

Folha Press

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.