Em comparação com 2018, quando foram registradas 327 mortes, esse número representa uma redução de 6,12%, segundo os promotores.

Trezentas e sete mortes foram registradas em 2019 durante confrontos com policiais militares, civis e guardas municipais, segundo um levantamento divulgado pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR).

Em comparação com 2018, quando foram registradas 327 mortes, esse número representa uma redução de 6,12%, de acordo com os promotores.

Do total de casos registrados no ano passado, 294 envolvem policiais militares, seis ocorreram em confrontos com policiais civis e sete com guardas municipais.

As cidades com maior número de casos foram Curitiba, com 78 mortes, Londrina, com 36, São José dos Pinhais, com 18 e Cambé, com 12 mortes.

Recentemente, nove pessoas morreram em quatro supostos confrontos com a PM em Curitiba e Região Metropolitana entre a meia-noite de sábado (14) e a meia-noite de domingo (15).

Por meio de nota, a PM informou que todas as mortes vão ser investigadas por Inquérito Policial Militar (IPM), que será acompanhado pela Corregedoria da instituição.

G1PR

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.