Fãs que participaram de show do DJ Alok são convocados para vacinação urgente

83

O pedido se dá porque um paciente, com suspeita de sarampo, esteve presente no show

Municípios do Norte catarinense e até do Paraná pedem que quem participou do show do DJ Alok, em Joinville, Santa Catarina, no dia 18 de outubro, procure com urgência as unidades de saúde para averiguar a situação vacinal, devido a casos suspeitos de sarampo. Em São Bento do Sul, há quatro casos suspeitos de jovens que estiveram no evento. Em Mafra e Rio Negro, município paranaense que faz divisa com Santa Catarina, também há casos sob investigação.

O pedido para se averiguar a situação vacinal em São Bento do Sul, por exemplo, se dá pela semelhança entre os casos suspeitos da doença na cidade catarinense.”Todos os casos são de jovens que foram até o show do Alok e, por isso, fizemos este chamamento de quem esteve presente. Os casos começaram a vir na sexta-feira e percebemos esta semelhança, neste espaço onde teve uma grande aglomeração de pessoas”, disse a chefe de epidemiologia do município, Cristiane Sestrem.

Ainda de acordo com Cristiane, outras cidades também têm a mesma suspeita. “Recebemos esta informação de que há outras pessoas com os mesmos sintomas em Joinville e outras cidades. Quando se tem uma suspeita, precisa-se fazer este bloqueio, por isso fizemos o chamamento à população”, destacou.

De acordo com a chefe de epidemiologia, quem esteve no show e não tem certeza sobre a vacina deve procurar as unidades de saúde. “É importante fazer isso. A orientação neste momento é realmente evitar aglomerações na cidade, porque o vírus pode estar circulando”, concluiu.

Joinville

Banda B entrou em contato com a assessoria de imprensa Prefeitura de Joinville que não quis fazer relação com o show do DJ: “Segundo a Secretaria de Saúde de Joinville, a orientação é que as pessoas que não tomaram vacina ou estão em dúvida sobre a sua situação vacinal procurem uma unidade de saúde mais próxima”, limitou-se a afirmar a assessoria.

Rio Negro

Em áudio atribuído a uma enfermeira da cidade, que circula em grupos de WhatsApp, é feito um alerta sobre casos suspeitos de pessoas que estiveram no show de Alok e estariam sob investigação no município. Em contato com a Secretaria Municipal de Saúde, a explicação é de que o áudio foi uma recomendação interna e que esclarecimentos serão feitos por meio de nota.

Mafra

A reportagem também fez contato com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Mafra, que informou um caso confirmado de Sarampo e cinco suspeitos. Dos cinco suspeitos, dois são jovens que estiveram no show em Joinville.

Banda B

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.