Roubo em agência bancária acaba em explosão e tiroteio na madrugada

165

Cidade da Grande Curitiba acordou com o som de explosão e intensa troca de tiros após bandidos tentarem roubar uma agência bancária

Os moradores do município da Lapa, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), acordaram nesta quarta-feira (8) com um susto enorme, com tiros e explosões em uma tentativa de assalto à agência do Banco do Brasil na cidade. A ação aconteceu por volta das 5h, mas policiais militares da cidade impediram o assalto e os ladrões fugiram pela BR-476, a Rodovia do Xisto, em direção a Curitiba.

Na ação, bandidos fortemente armados se dividiram em dois grupos. Alguns ficaram próximos à sede do 28º Batalhão de Polícia Militar, onde espalharam miguelitos (pregos retorcidos) para evitar a saída dos policiais e, na sequência, alvejaram com tiros de fuzil a sede policial. O restante do bando já estava na agência bancária, na Rua Barão do Rio Branco, quando iniciaram as explosões. “Eu pensei até que fosse algum incêndio em uma empresa. Moro longe daqui e acordei assustado”, disse o funcionário público Jair Gritten.

Policias corajosos

Dois policiais que estavam de plantão impediram o assalto. Soldado Michel e Hoffmann foram a pé da sede do Batalhão até a agência e, com a chegada dos policiais, aconteceu uma troca de tiros no local, mas sem feridos. Ao perceberem que a única opção era desistir do assalto, os assaltantes empreenderam fuga pela estrada da Lagoa Gorda, quando abandonaram os dois carros usados por eles e são procurados na região.

Agência destruída

A agência do Banco do Brasil ficou danificada pela ação dos bandidos, mas os terminais de autoatendimento não foram destruídos, pois as explosões foram no interior do banco na tentativa de abrir o cofre central. As investigações seguem com a Delegacia Civil da Lapa, assim como na tentativa de prender a quadrilha. O Banco do Brasil emitiu nota, lamentando o fato e afirmando que vai colaborar com a investigação policial.

Não é a primeira vez

A tranquila cidade da Lapa enfrenta pela quarta vez o mesmo problema. Agências de outras instituições financeiras enfrentam este perigo. “A Lapa está situada em uma região de fácil acesso, mas isto também ocasiona aos bandidos uma enorme possibilidade de fuga” ressaltou o delegado da Polícia Civil da Lapa, Vinicius Fernandes Maciel.

TribunaPR

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.