Tenente do Corpo de Bombeiros em Maringá é preso em operação, diz corregedoria

110

Seis mandados de busca e apreensão, um de interdição e o de prisão foram cumpridos no âmbito da Operação Diplomata, nesta quarta-feira (10).

Um tenente do Corpo de Bombeiros foi preso em uma operação nesta quarta-feira (10), em Maringá, no norte do Paraná, de acordo com a corregedoria da Polícia Militar (PM).

Seis mandados de busca e apreensão, um de interdição e o de prisão foram cumpridos no âmbito da Operação Diplomata, informou a corregedoria. O tenente Alexandre Bettiol Ferelli ficará preso em Curitiba, conforme a corregedoria.

Por meio de nota, a PM informou que não compactua com os desvios de conduta de integrantes da corporação e que os fatos serão apurados. Se irregularidades forem comprovadas, a PM afirmou que as punições cabíveis serão aplicadas.

A reportagem tenta contato com a defesa do tenente.

Segundo a polícia, a operação teve início após denúncia de um engenheiro que relatou ter sido extorquido, com o pedido de R$ 1 mil, ao tentar a aprovação de um projeto de prevenção de incêndio no 5º Grupamento do Corpo de Bombeiros.

De acordo com a corregedoria, as investigações apontam para indícios de irregularidades e favorecimentos nas tramitações de projetos nos bombeiros em Maringá. Mais de 100 projetos foram coletados para perícia.

Ainda segundo a corregedoria, o tenente foi indiciado por concussão (uso do cargo público para obter vantagem indevida) e patrocínio indébito. Um aspirante a oficial, que não foi preso, acabou indiciado por prevaricação.

G1PR

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.