Um Estado inovador, que busca novas ideias para cuidar bem das pessoas. Foi assim que o vice-governador Darci Piana definiu o Paraná durante a posse, nesta terça-feira (28), no Palácio Iguaçu, dos novos conselheiros do Conselho Estadual de Juventude (CEJUV).

Composto por representantes da sociedade e do poder público com reconhecida atuação na defesa e promoção dos direitos da juventude, o grupo quer consolidar as ações que estão em desenvolvimento na Assessoria Especial de Juventude (AEJ), vinculado à Casa Civil, em conjunto com os programas de todas as secretarias de Estado que atendem o público jovem entre 15 a 29 anos. O mandato dos conselheiros é de um ano.

Piana destacou a importância da participação da sociedade civil na definição das políticas públicas que visam garantir melhor condição de combate a vulnerabilidade juvenil no Paraná. “Esse conselho vem contribuir de uma maneira muito significativa com o Estado. Com novas ideias, essa juventude dará mais agilidade para que as políticas do Paraná avancem”, afirmou o vice-governador. “Sangue novo para ajudar o Paraná a ser o Estado mais inovador e também o melhor para se viver no País”, completou.

Assessor especial da Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho, Luiz Guilherme Feltrin Gluck explicou que o conselho representa uma nova forma de diálogo do Governo com a sociedade. Programas e ações trazidos pelo grupo farão parte do Plano Estadual para a Juventude, que está em fase final de elaboração.

“O plano vai nos indicar as medidas específicas que o Estado precisa tomar, as maiores necessidades e as diretrizes para avançar”, disse. Segundo ele, o mapeamento deve ficar pronto ainda no primeiro semestre, com apresentação prevista para a Conferência Estadual da Juventude. O evento ainda não tem data e local confirmados.

COMPOSIÇÃO – O Conselho Estadual de Juventude é composto por diversos setores da sociedade. O presidente Fauze Salmen Neto ressaltou que há representantes das diversas regionais do Paraná, da igualdade racial e movimento de gênero, além de pessoas ligadas a secretarias estaduais.

“Tem tudo para se tornar o melhor ano do conselho, com um verdadeiro protagonismo juvenil. Será muito interessante esse diálogo entre a sociedade civil e o Governo do Estado, buscando políticas que atendam toda a juventude”, afirmou Salmen Neto.

Segundo ele, um dos objetivos é ajudar na criação de Conselhos Municipais da Juventude. A meta, destacou o novo presidente, é tirar do papel ao menos 30 colegiados deste tipo até o fim do ano. “Estamos recebendo todo apoio do governador Ratinho Junior”, disse.

PROJETOS – Rodrigo Baitala de Mattos será o conselheiro responsável pelos movimentos comunitários. Ele desenvolve há 12 anos um projeto de contraturno escolar, o Águias da Bola, que tira crianças da rua para praticar atividades de caráter esportivo, educacional e recreativo, com destaque para o futebol.

De acordo com ele, 5 mil pessoas, entre crianças, adolescentes e jovens de 6 a 21 anos, já foram beneficiadas pelo projeto, em seis cidades diferentes do Paraná, com destaque para a Capital, Região Metropolitana de Curitiba e Litoral. “Temos muito a agregar. Fazer algo diferenciado pela juventude, o que nunca foi visto no Paraná”, ressaltou Mattos.

HISTÓRICO – Criado em 1988 pelo decreto número 2.897 de 19 de maio de 1988, o Conselho Estadual de Juventude ficou inativo por 23 anos, até 2017. O governador Carlos Massa Ratinho Junior determinou a inclusão da regulamentação do órgão nas metas da atual gestão do Governo, ratificando o reconhecimento da juventude como protagonista de ações que gerem valor social efetivo para os jovens paranaenses.

Conheça os novos integrantes do Conselho Estadual da Juventude:
Presidente – Fauze Salmen Neto
Vice-presidente – Marcos Willian Loiola da Costa
SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA
Movimento Estudantil – Marcos Willian Loiola da Costa
Movimento de Gênero e Diversidade Sexual – Lucas Siqueira Dionísio
Movimento de Empreendedorismo, Geração de Trabalho e Renda – Carlos Eduardo Carvalho
Juventudes de partidos políticos – Luana Florentino Fonseca
Movimento Étnico Racial e Promoção à Igualdade Racial – Daniel Silva Maciel
Juventude do Meio Rural – Alexandre Leal dos Santos
Movimentos Comunitários – Rodrigo Baitala de Mattos
Regional de Curitiba, Região Metropolitana e Litoral – Alyson Costa Fernandes
Regional Centro-Sul, Sudeste e Centro-Oriental – Thaís Maria Fagundes
Regional de Londrina – Guilherme Cipriano Meurer
Regional de Maringá – Pedro Lucas Lopes Tazinafo
Regional Oeste, Sudeste e Laranjeiras – Yuri Borges Golfetto.
PODER PÚBLICO
Coordenação de políticas públicas para a juventude – Sandro Samuel Tives
Secretaria da Justiça, Família e Trabalho – Alex Sandro da Silva
Secretaria da Justiça, Família e Trabalho – Larissa Marsolik
Secretaria da Comunicação Social e Cultura – Allan Kolodzieiski
Secretaria da Agricultura e Abastecimento – Rodrigo César Nogueira
Secretaria da Segurança Pública e Administração Penitenciária – Erik Wermelinger
Secretaria da Saúde – Pedro Henrique Dias
Superintendência de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior – Jonatas Sena
Assembleia Legislativa – Thabata Cristina Uhlik.

AEN

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.