Encerramento das atividades do Prêmio MPT na Escola 2019 premia alunos vencedores em Pontal do Paraná

18

Foi realizada na manhã desta quinta-feira (11) no auditório da Secretaria Municipal de Educação (SMED) o encerramento das atividades do Prêmio MPT na Escola 2019. Estavam presentes o prefeito Marcos Fioravante (Casquinha); a secretária de Educação, Cleonice Silva do Nascimento; a secretária de Assistência Social, Regiane Túlio, além de alunos, pais de alunos, coordenadores, professores, a comunidade escolar e diretores.
 

O prefeito de Pontal do Paraná, Marcos Fioravante (Casquinha), falou sobre a importância em investir na formação das crianças por meio de concursos que ampliam o conhecimento.
 

“Temos orgulho de participar desse concurso e termos escolas aqui em nosso município que já receberam diversos prêmios, esse concurso movimenta os alunos do 4º e 5º anos que ficam empolgados e ansiosos com o resultado, que premia alunos e também a sua escola, é um projeto magnífico que deixa os pais e os professores muito orgulhosos com os trabalhos”, completou o prefeito Marcos Fioravante.

O Prêmio MPT na Escola tem por objetivo fomentar a participação de crianças e adolescentes nas ações de mobilização, conscientização e prevenção do trabalho infantil e da proteção do adolescente trabalhador; reconhecer e divulgar os melhores trabalhos literários, artísticos e culturais produzidos pelos alunos, bem como a dedicação dos educadores envolvidos nas ações de prevenções à violação dos direitos de crianças e adolescentes.
 

Segundo a assistente social e coordenadora do CREAS – Centro de Referência Especializado de Assistência Social, Kátia Salomão de Souza Cordeiro, o trabalho infantil é uma das causas do risco social que levam as famílias muitas vezes ao CREAS para um acompanhamento profissional.
 

“Nesse sentido o CREAS está envolvido com o tema, a gente também faz ações e atividades de mobilização contra trabalho infantil, e esses tipos de concursos são um grande incentivo e geram muitos resultados. E trabalhar isso na parte pedagógica é essencial, inclusive não só resultado com as crianças porque elas passam a entender de forma simples, e repassam o conhecimento à família. As crianças começam a diferenciar também que o trabalho infantil não é você ajudar sua mãe em uma atividade doméstica junto com sua família mas sim ser obrigado a trabalhar. Isso com certeza é muito importante para as famílias.
 

A secretária de Educação, Cleonice Silva do Nascimento, completou dizendo que a premiação municipal do MPT (Ministério Público do Trabalho) é um programa que o Ministério Público do Trabalho tem contra o trabalho infantil onde é desenvolvido um trabalho na escola para que as crianças tomem consciência do assunto.


“Na nossa gestão é o segundo ano que estamos participando e sempre temos resultados excelentes. Nós temos uma escola no município que é a Anita Miró, ela já foi premiada pelo estadual e nos quatro anos que teve de projeto. E as premiações do MTP são muito boas, tem ajudado muito as escolas, inclusive a última premiação que a Anita Miró trouxe para o município eles montaram uma biblioteca, que é maravilhosa. A gente está fazendo essa etapa municipal para poder premiar as crianças e valorizá-las. Esse programa é de extrema importância pedagogicamente, porque ele trabalha a questão de poesia, poema, canto, além do trabalho interno, eles fazem trabalho de campo que tem uma abrangência ainda maior, ele é muito rico na questão pedagógica”, afirmou a secretaria.
 

Os vencedores do Prêmio MPT na Escola 2019 (etapa municipal), escolhidos em suas respectivas categorias são: Escola Anita Miró e sua aluna Giovanna da Silveira Nunes (Conto); Escola Amatuzzi e seus alunos; Davily da Silva Dias, Andrey Luís Portela de Jesus, Juliano Francisco Leandro Vaz e Izadora Lucia da Silva (Curta Metragem); Escola Anita Miró e seu aluno João Guilherme Lopes da Silva (Desenho); Escola Anita Miró e seus alunos Bryan Obiawa de Miranda de Paula, Giovanna Silveira Nunes, Isabella Caroline da Rosa Correia, Kauani Semczuk de Andrade (Música) e Escola Primavera e sua aluna Rayssa Aparecida de Souza (Poesia).

Assessoria

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here